Gestão Ambiental lança recurso de QR-CODE para registrar opiniões sobre o empreendimento


Com o objetivo de inovar o acesso à ouvidoria das obras de duplicação da BR-101 PE/AL/SE/BA, o DNIT por meio da Gestora Ambiental está disponibilizando um código QR-CODE à população dos municípios lindeiros, motoristas e sociedade civil em geral. A divulgação do novo canal ocorre através da afixação de cartazes em pontos estratégicos ao longo da rodovia BR-101 PE/AL/SE/BA e da rede social Instagram, no perfil @gestaoambientalbr101.


Segundo Welberton Dantas, técnico do Programa de Comunicação Social, PCS, “o maior objetivo do QR-CODE é facilitar o registro das opiniões dos usuários da rodovia e/ou público afetado, no que diz respeito ao empreendimento”.

Para a leitura do código o usuário deverá usar a câmera do celular e este lhe direcionará ao link do questionário onde serão solicitadas informações sobre seu nome, local onde localizou o QR-CODE (cidade/estado), contato telefônico e/ou e-mail, ainda um feedback acerca das obras em andamento e possíveis melhorias geradas por esta. Por fim uma questão aberta onde podem ser expressadas as opiniões sobre a BR-101/NE.


Canal da Ouvidoria da Gestão Ambiental BR-101 PE/AL/SE/BA


Desde o ano de 2012 a Gestão Ambiental/DNIT disponibiliza aos usuários da rodovia BR-101/NE, moradores lindeiros e público diretamente atingido dos estados de Pernambuco, Alagoas, Sergipe e Bahia, os contatos do 0800 (0800 6070101), site (www.br101nordeste.com) e urnas ouvidoras (instaladas em locais estratégicos dos municípios em obras). Ainda, em 2018 iniciou a utilização da plataforma Instagram (@gestaoambientalbr101), e por meio do canal passaram a ser apresentadas informações sobre as obras em andamento e demais temas relacionados. Em 2021, o QR-CODE foi então inserido como sendo mais um canal da Ouvidoria, e os registros deverão ser contabilizados junto às demais ferramentas.


Num total de 456 protocolos contabilizados desde o início da Ouvidoria (até o fechamento deste material), e em meio aos quatro estados pertencentes ao empreendimento, Alagoas contou com 200 registros, seguido por Sergipe que totalizou 138, posteriormente a Bahia com 87 e por último o estado de Pernambuco, com um total de 31 solicitações. No geral, destacaram-se as solicitações de informações sobre o andamento das obras de duplicação, com 118 contabilizadas, seguido por Elogios ao empreendimento (84 registros) e condições de trafegabilidade na rodovia (63 registros).

O DNIT, por meio da Gestora Ambiental solucionou 86% das situações registradas, enquanto que apenas 14% estão em andamento.






70 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
FALE CONOSCO

Ouvidora BR-101 Nordeste

  • Black Twitter Icon
  • Black Instagram Icon
  • Black Google+ Icon

© 2018 por Douglas Ferreira -  desenvolvido para BR-101/NE.

0800 6070 101

Nome *

Email *

Assunto

Telefone

Mensagem